FOTOGRAMAS EM CIANOTIPIA
       
     
EDIÇÕES DE FOTOGRAFIA, LIVROS DE ARTISTA E FORMATOS ALTERNATIVOS com FILIPA VALLADARES
       
     
Aulas individuais de COMPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA
       
     
Sketchcrawl dia nacional dos centros históricos
       
     
REACTING TO TIME, portugueses na performance
       
     
CURSO DE INICIAÇÃO À FOTOGRAFIA
       
     
um degrau acima | WORKSHOP
       
     
Iniciação à história da fotografia
       
     
Câmara escura conversa com Pedro Letria
       
     
Fotogramas em Cianotipia
       
     
Workshop de desenho e estímulo à criatividade - 3ª edição
       
     
Fotografia Digital II
       
     
Oficina de Gravações Sonoras de Campo – Sons da Cidade
       
     
Iniciação à Fotografia Analógica
       
     
Fotografia a Preto e Branco I
       
     
Fotografia de Arquitectura
       
     
Retrato Improvisado
       
     
Fotografia Digital I
       
     
Laboratório Livre
       
     
Iniciação à Fotografia Digital
       
     
Pós-Produção I
       
     
FOTOGRAMAS EM CIANOTIPIA
       
     
FOTOGRAMAS EM CIANOTIPIA

16 e 23 MAIO | Câmara Escura

Formador | Rui Dias Monteiro

Fotogramas em Cianotipia

A cianotipia é um processo de impressão fotográfico, monocromático, à base de sais de  ferro, inventado em 1842 por Sir Jonh Herschel. Considerado como alternativo pela história da fotografia, permite obter impressões fotográficas numa escala de gradações de azul. A cianotopia, como outros processos fotográficos analógicos, apenas requer: os químicos certos, papel, uma câmara escura e luz. Neste workshop,  propomos explorar o processo da cianotopia através da realização fotogramas (imagens que não precisam de máquina fotográfica).

Horário | 14h às 17h

Local | câmara escura

Duração | 2 horas 

Preço |  35€ - 10% desconto a sócios

Inclui químicos e papel 300gr aguarela A4

mínimo de 4 alunos / máximo de 5 alunos

Inscrições | info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

EDIÇÕES DE FOTOGRAFIA, LIVROS DE ARTISTA E FORMATOS ALTERNATIVOS com FILIPA VALLADARES
       
     
EDIÇÕES DE FOTOGRAFIA, LIVROS DE ARTISTA E FORMATOS ALTERNATIVOS com FILIPA VALLADARES

9 de Maio | Câmara Escura
Formadora | Filipa Valladares 

Neste workshop, serão apresentados diferentes tipos de edições relacionadas com fotografia, dando a conhecer as potencialidades da edição de projectos fotográficos em livro.  Vamos falar do livro de fotografia enquanto objecto, da construção de uma narrativa em livro e dos seus materiais componentes. Serão apresentadas edições independentes e editoras de renome, novidades e clássicos, em formato de livro, desdobrável, jornal e noutros formatos alternativos. Livros que partem da câmara escura, passam pelo álbum ou pela exposição, viajando do documental até ao abstracto. Falaremos de autores e editoras de países tão diversos como Portugal, Estados Unidos, França, Reino Unido, Espanha, Alemanha, Brasil, Holanda ou Japão.
Na primeira parte do dia (de manhã), são incluídos livros que abrangem temas clássicos (como a paisagem, a cidade ou o retrato) e que se incluem na ideia de série ou álbum, como forma de sistematização do mundo visível.  Na segunda parte (à tarde), falamos de livros que são social ou politicamente envolvidos e outros que nos mostram uma leitura mais pessoal, conceptual ou abstracta dos autores.

Horário | 10:30 - 12:30h e 14:30 - 16:30

Local | câmara escura

Duração | 4 horas 

Preço |  35€ não sócios  - 32,50€ sócios

Participantes | mínimo de 8  alunos / máximo de 12 alunos

Inscrições | info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

 

Filipa Valladares  
Curadora/produtora independente e livreira 

Licenciada em Escultura pela FBAUL (1996); Pós-graduação em Estudos Curatoriais, pela FBAUL (2005).  Coordenadora da Fundació Foto Colectania (Barcelona) em Portugal, entre 2001 e 2010, com colaboração e produção em diversas exposições em Barcelona e Lisboa.  Professora convidada em seminários de fotografia, desde 2007, no IPP/ESMAE (Porto), IADE (Lisboa), IPA (Lisboa), UAL – Arquitectura (Lisboa), Atelier de Lisboa (Lisboa), entre outros.  Tem dado aulas sobre edições na livraria STET a várias escolas, entre elas Ar.Co, APAF, Atelier de Lisboa, IADE, Etic e Faculdade de Belas Artes de Lisboa.Crítica convidada para leitura de portefólios, desde 2009, nos Encontros da Imagem de Braga, com uma Pós-graduação de Fotografia – IPA, e Leituras de Portfolios Carpe Diem.Como curadora, realizou várias exposições, nos últimos anos, em co-curadoria com Maria do Mar Fazenda: Lei de Ohm / Residência Artística - Fundação EDP, no Museu da Eletricidade, 2013/2014; Spaces of Action – Projecto Associado da Trienal de Arquitectura de Lisboa, Palácio Sinel de Cordes, 2013; MNAA - Olhares Contemporâneos / Residência - Fundação EDP, no Museu Nacional de Arte Antiga, Lisboa, 2012; Panis et Circenses, no Centro de Artes de Sines, 2011.
Em Junho de 2011, fundou com Paulo Catrica a Associação STET - livros e fotografias, abrindo uma livraria especializada em fotografia, onde tem organizado inúmeros eventos, lançamentos e conferências relacionados com fotografia e edições. A par destas actividades, destaca-se a participação regular em feiras de edições (nacionais e internacionais), debates e exposições relacionadas com edições de artista e de fotografia.

[EN]

Photography editions, artist’s books and alternative formats
May 9 | Câmara Escura
Teacher
| Filipa Valladares

In this workshop, we will show different types of editions related to photography, presenting the potential of the edition of photographic projects in a book. We will talk about the photo book as an object, the construction of a narrative in the book and its component materials. There will be shown independent editions and renowned publishers, novalties and classics, in the format of a book, booklet, newspaper and other alternative formats. Books that come from the dark-room, pass through an album or exhibition, traveling from the documental to the abstract. We will talk about authors and publishers from countries as diverse as Portugal, USA, France, UK, Spain, Germany, Brazil, Netherlands or Japan.
In the first part of the day (by morning), are included books that cover classic themes (such as the landscape, the city or portrait), which integrate the idea of series or album, as a means of systematization of the visible world. In the second part of the workshop (by afternoon), we will talk about the books that are social and politically involved and others that show us a more personal, conceptual or abstract reading by the authors.

May 9, from 10h30 - 12h30 / 14h30 - 16h30
participants | minimum - 8; maximum - 12
Price | 35€ (public in general); 32,50€ (association members)

Filipa Valladares
Curator/ independent producer and bookseller

Graduated in Sculpture, by FBAUL (1996); Post-graduation in Curatorial Studies, by FBAUL (2005).
Coordinator of Fundació Foto Colectania (Barcelona) in Portugal, between 2001 and 2010, with collaboration and production in several exhibitions in Barcelona and Lisbon.
Guest teacher in photography seminars, since 2007, at IPP/ESMAE (Porto), IADE (Lisbon), IPA (Lisbon), UAL - Architecture (Lisbon), Atelier of Lisbon (Lisbon), amongst others.
Filipa Valladares has given lectures about editions, in the STET bookstore, to several schools, amongst them Ar.Co, APAF, Atelier of Lisbon, IADE, Etic and Faculty of Fine Arts of Lisbon.
Critic invited to read portfolios, since 2009, in Encontros da Imagem (Braga), with a Post-graduation of Photography - IPA, and Readings of Portfolios - Carpe Diem.
As a curator, she organized several exhibitions in the last years, in co-curatorship with Maria do Mar Fazenda: Lei de Ohm / Artistic Residency - EDP Fundation, in the Museum of Electricity, 2013/2014; Spaces of Action – Associate Project for the Triennal of Architecture of Lisbon, Palace Sinel de Cordes, 2013; MNAA - Olhares Contemporâneos / Residency - EDP Fundation, in the National Museum of Ancient Art, Lisbon, 2012; Panis et Circenses, in the Arts Center of Sines, 2011.
In June of 2011, Filipa Valladares has founded with Paulo Catrica the Association STET - books and photographies, opening a bookstore specialized in photography, where she has organized numerous events, releases and conferences related to photography and editions. Beside these activities, stands out the regular participation in editions fairs (national and international), debates and exhibitions related to photography and artist’s editions.

Aulas individuais de COMPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA
       
     
Aulas individuais de COMPOSIÇÃO FOTOGRÁFICA

 2 a 10 MAIO | Câmara Escura

Formador | Rui Dias Monteiro

Composição fotográfica

Partindo dos projectos pessoais de cada aluno, serão abordados aspectos de composição, enquadramento e métodos para edição e ajustamento de imagens. Para os exercícios práticos das sessões, cada aluno deverá trazer consigo um dispositivo fotográfico digital e, preferencialmente, um computador portátil. 

Aulas individuais de 3h (Horário a combinar com cada aluno, entre 2 e 10 de Maio)

Horário | a combinar com cada aluno

Duração | 3 horas 

Preço |  100€ - 10% desconto a sócios

Inscrições | info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

Sketchcrawl dia nacional dos centros históricos
       
     
Sketchcrawl dia nacional dos centros históricos

28 março, pelas 14,30 horas | Câmara Clara

O dia nacional dos centros históricos é comemorado desde 1993, a 28 de março, assinalado o aniversário natalício de Alexandre Herculano (1810-1877), grande defensor do património nacional e patrono da Associação de Municípios com Centro Histórico, à qual Torres Vedras integra. http://www.apmch.pt/#!municipios-associados/czj

O centro histórico de Torres Vedras tem sido o local eleito para a maioria das nossas actividades de desenho, por isso propomos um pequena homenagem através de um passeio com desenhos pelas ruas menos conhecidas, contactando com uma realidade menos conhecida: pátios, ruínas, ruas estreitas, moradores, cheiros. Junta-te a nós e vem conhecer a essência do centro histórico.

Objectivos | Desenhar em grupo leva-nos a arriscar, não só nas técnicas mas também na forma como encaramos/vivenciamos os espaços representados. Conhecer um centro histórico até aqui desconhecido, longe da monumentalidade das igrejas, das praças e do castelo, vamos entrar no centro histórico profundo, dos becos e travessas, das casas e dos pátios, das gentes e costumes.  

Coordenação | André Duarte Baptista

Desenhadora convidada | Ana Ramos

Participantes | Amantes do desenho, com ou sem experiência.

Material (opcional) | Caderno de pequenas dimensões (A5 ou A6).Grafite, canetas, aguarelas, lápis de cor, tudo aquilo que vos estimule a vontade de desenhar.

Local de Encontro | Câmara Clara, Cooperativa de Comunicação e Cultura de Torres Vedras, Rua da Cruz, n.º 9, centro histórico de Torres Vedras.

Data e Hora | 28 de Março às 14,30 horas.

Condições de participação | Gratuita, mas sujeita a inscrição em sketchcrawl.ccctv@gmail.com

REACTING TO TIME, portugueses na performance
       
     
REACTING TO TIME, portugueses na performance

26 a 31 de Janeiro 2015 | Câmara Clara e Câmara Escura

Workshop Transmissão III

Criação e direção artística de Vania Rovisco. Consultores artísticos | André Lepecki e Verónica Metello.

Nos anos em torno da Revolução de 25 de abril de 1974 uma dinâmica peculiar pautou a atividade artística portuguesa. Num país fechado sobre si mesmo, fora dos circuitos e moldes convencionais de apresentação e divulgação da arte, um conjunto de eventos colocaram Portugal em sintonia com as questões e com as práticas que animavam a vanguarda artística internacional. 

O experimentalismo performativo atravessou as diferentes áreas artísticas, trazendo para seus respetivos enquadramentos novas modalidades de composição, apresentação e experiência. Neste contexto, o corpo assume um novo lugar na prática da arte, faz-se presente. 

Os focos deste experimentalismo performativo acenderam-se em todo o país: primeiro em Lisboa, com o grupo de poesia experimental, e na atividade pontual da Galeria Judite da Cruz, depois no Porto e em Coimbra, passando pelas Caldas da Rainha. Primeiro em eventos isolados, depois em programações e festivais nacionais e internacionais. De meados dos anos 70 até aos anos 80, a dinâmica destas apresentações foi crescente, polarizada nos anos 70 em torno da atividade do Círculo de Artes Plásticas de Coimbra, dos quatro Encontros Internacionais de Arte e da Alternativa 0, do Ciclo de Arte Moderna no IADE e da exposição Massificação e Identidade Cultural mas também no circuito das galerias, com os happenings nas galerias Diferença, Quadrum e Diagonale (Paris).

No início dos anos 80 nasceu o Festival Alternativa em Almada, a Bienal de Cerveira, teve lugar o Festival de Performance Portuguesa em Amesterdão e, em 1985, em Paris no Centre Georges Pompidou, ano em que teve lugar uma primeira retrospetiva da Performance em Portugal, em Torres Vedras, no I Encontro Nacional de Performance com produção da Cooperativa de Comunicação e Cultura.

Nomes como Albuquerque Mendes, Fernando Azevedo, João Dixo, Artur Barrio, Gerardo Burmester, Miguel Yeco, Silvestre Pestana, Elisabete Mileu, Manuel Barbosa, Fernando Aguiar, António Olaio, Ção Pestana, Rui Orfão e Alberto Carneiro, definem as coordenadas de um primeiro corpo performativo português.

Coprodução | AADK / Teatro-Cine de Torres Vedras

Local | Cooperativa de Comunicação e Cultura de Torres Vedras / Rua da Cruz, nrº 9, 2560 - Torres Vedras

Datas e Horários | 26 a 30 de janeiro, 19h00 às 23h00  |  31 de janeiro, Apresentação Final

Os workshops são limitados a um máximo de 15 participantes com idades compreendidas entre os 16 e os 45 anos. A participação implica disponibilidade para a apresentação final. Aos interessados, solicita-se a redação de uma carta de apresentação, indicando a sua motivação para participar no workshop. A participação é gratuita e implica a participação na apresentação final

Inscriçõesteatro.cine@cm-tvedras.pt | tlf: 261 338 131 / 96 265 48 75

 

Calendário

2014

Apresentação do projeto - 18 de dezembro na Casa Atelier Vieira da Silva, Lisboa

2015

Workshop Transmissão I  - 10-15 de janeiro, Fundação Arpad Szenes - Vieira da Silva, Lisboa

Workshop Transmissão II - 19-25 janeiro, CAAA - Centro para os Assuntos da Arte e Arquitetura, Guimarães

Workshop Transmissão III - 26-31 janeiro, Cooperativa de Comunicação e Cultura de Torres Vedras, Torres Vedras

Workshop Transmissão IV -  9-14 fevereiro, Centro Negra, Blanca (Espanha)

Workshop Transmissão V -  2-7 março, Formação Avançada em Interpretação e Criação Coreográfica III, Companhia Instável, Porto

Performance REACTING TO TIME - 26-27 março, Teatro-Cine de Torres Vedras, Torres Vedras

 

Projeto Financiado por Governo de Portugal - Secretaria de Estado da Cultura e Direção Geral das Artes

Links

http://www.aadkportugal.com/ ( Brevemente disponível)

https://www.facebook.com/reactingtotime

https://www.facebook.com/aadk.portugal

http://www.ccctv.org/

CURSO DE INICIAÇÃO À FOTOGRAFIA
       
     
CURSO DE INICIAÇÃO À FOTOGRAFIA

19 a 21 de Dezembro | Câmara Escura

Formador | Martim Ramos

A CCC sugere para este Natal, e em tempo de férias, um Curso de Iniciação à Fotografia. Ofereça-o como presente e venha também iniciar-se neste admirável mundo da imagem fotográfica, instruído por Martim Ramos, fotógrafo com provas dadas a nível nacional e internacional. 

Neste curso abordaremos os fundamentos da fotografia. Veremos vários livros e trabalhos que são grandes referências históricas. Conheceremos também as tendências de vanguarda mais recentes. Vamos questionar o que fotografar e como. Saiba como desenvolver uma linguagem pessoal e original, aprenda a expressar-se através da fotografia. Dê uso à sua câmara!

Data: 19 a 21 de Dezembro (Sexta, Sábado e Domingo).

Horário: Sexta-feira, das 18h às 20h, Sábado e Domingo, das 10h às 13h.

Nº mínimo / máximo de alunos: 4 / 10

Duração: 8 horas.

Preço: 50€

Formador: Martim Ramos

Inscrições em: info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

TÓPICOS DO CURSO

- O que vale uma imagem?

- Como pensar e abordar um assunto?

- Questões antes de fotografar

- Exemplos históricos e de referência

- Diferentes abordagens, diferentes linguagens 

- Técnicas fotográficas

- E depois de fotografar? 

Martim Ramos (Lisboa, 1983)

Licenciado em História da Arte pela Universidade Nova de Lisboa. Estudou fotografia no Mau.maus e Ar.co. Tem colaborado frequentemente com a imprensa desde 2006, destacando o Público, Expresso, Time Out Lisboa, Jornal i, Serafina, Le Monde, Japan Times e Time Magazine. Entre 2008 e 2010 foi fotógrafo e editor de imagem da ‘Obscena – Revista de Artes Performativas’. Entre 2007 e 2014 foi membro do colectivo [kameraphoto], onde foi também autor e coordenador dos programas educativos. Tem sido convidado regular em aulas e conferências sobre temas da fotografia. Actualmente lecciona na EPAD (Lisboa).Tem exposto colectivamente com regularidade, em Portugal e no estrangeiro. Em 2013, realizou uma residência artística na FAAP (São Paulo), onde co-realizou o seu primeiro documentário: Othon. É autor do livro melancholia.

www.martimramos.com

um degrau acima | WORKSHOP
       
     
um degrau acima | WORKSHOP

19 a 21 de novembro 2014
Local: Câmara Escura, Torres Vedras

Este encontro tem como fundamento um desejo de aprofundar o mapeamento das potencialidades e dos recursos dos territórios locais, tornando-os matéria de criação artística, incluindo-os numa cadeia de valores. E desse modo, valorizá-los também, aos olhos dos decisores políticos, dos vários agentes e mediadores que lidam com o património e o território, dos cidadãos e dos públicos em geral. Procura-se trocar informações e refletir como se podem implementar estratégias de mediação entre os vários níveis de decisão (política, mediática, afetiva e ou pessoal) que envolvem a valorização dos espaços e das infra estruturas locais. Como se podem maleabilizar e permitir a criação de conteúdos relacionados com as potencialidades locais - incluindo as memórias de comunidades e dos seus processos históricos versus a necessidade da existência de infra estruturas que possam acolher o desenvolvimento de atividades artísticas.
Propõe-se como uma plataforma de troca de experiências entre os vários participantes.

Programa:
19 a 21 nov | 19h00 às 20h00 e das 21h00 às 23h00

WORKSHOP – Rotas de Internacionalização - Toni González
Cooperativa de Comunicação e Cultura - Câmara Escura

After Party - 23h30 | Cooperativa de Comunicação e Cultura

Inscrições:
Gratuitas para o e-mail teatro.cine@cm-tvedras.pt, com os seguintes dados: Nome, n.º de telemóvel, e-mail e localidade, e se pretende inscrição no workshop e/ou conferências.

Workshop (limite de 25 inscrições)

Iniciação à história da fotografia
       
     
Iniciação à história da fotografia

8, 15, 22 e 29 de Novembro. Sábados, das 11h às 13h

Câmara escura

Formação por Luís Murtinha Ferreira

Partindo da obra de autores como o filósofo Walter Benjamin ou o historiador de arte Aby Warburg , pretende-se neste workshop, apresentar, analisar e debater, não só as técnicas e as estéticas de fotografias que marcaram a Humanidade e o seu inconsciente coletivo a partir de 1839, assim como, e através de exercícios práticos, dar aos participantes ferramentas para que possam construir os seus próprios mapas visuais e que estes se tornem trampolins e motivo de inspiração para os seus projetos criativos e autorais.

Condições de admissão: Sem requisitos

Número mínimo/máximo de alunos: 6/10

Duração: 8 horas

Preço do curso: 77€

inscrições em: info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300 

Câmara escura conversa com Pedro Letria
       
     
Câmara escura conversa com Pedro Letria

22 Outubro 2014

Câmara Escura
18h30

Nesta conversa, Pedro Letria irá falar sobre o processo de trabalho, referências e questões que têm sido abordadas nos seus projectos. Mais do que uma apresentação de um portfolio, será uma visita aos bastidores daquilo que é visível.

Pedro Letria nasceu em Lisboa em 1965.
Formado pela The School of the Art Institute of Chicago (BFA) e Rhode Island School of Design (MFA), lecciona na Escola Superior de Artes e Design, nas Caldas da Rainha.
Definindo a sua linguagem visual como um espaço de diálogo entre a fotografia e o público, no contexto mais lato de formação de identidade, o seu trabalho é também um inquérito pessoal, centrado em questões de deslocação e pertença e na capacidade da linguagem em libertar o campo interpretativo da imagem.
Pedro Letria é autor de seis monografias, entre as quais destacamos os títulos publicados pela Assírio e Alvim, Terraformada, Verbos, Inventário e Mármore.

Fotogramas em Cianotipia
       
     
Fotogramas em Cianotipia

20 de Setembro 2014, sábado, das 14h às 17h

Câmara Escura

Formação por Rui Dias Monteiro

A cianotipia é um processo de impressão fotográfico, monocromático, à base de sais de ferro, inventado em 1842 por Sir Jonh Herschel. Considerado como alternativo pela história da fotografia, permite obter impressões fotográficas numa escala de gradações de azul. A cianotipia, como outros processos fotográficos analógicos, apenas requer: os químicos certos, papel, uma câmara escura e luz. Neste workshop, propomos explorar o processo da cianotipia através da realização fotogramas (imagens que não precisam de máquina fotográfica).

Condições de admissão:  Sem requisitos, por ordem de inscrição (a partir dos 16 anos).

Número mínimo/máximo de alunos: 6/8

Duração: 3 horas

Preço do curso: 33€

Professor: Rui Dias Monteiro

inscrições em: info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300 

Workshop de desenho e estímulo à criatividade - 3ª edição
       
     
Workshop de desenho e estímulo à criatividade - 3ª edição

Formação por João Dias
23 de Junho a 23 de Julho de 2014

É objetivo geral deste workshop dar a conhecer e explorar o desenho, através de uma abordagem acessível e atual por meio de exercícios práticos.
Explorar e desenvolver a criatividade através da prática do desenho
Estimular a perceção visual, aprender a “ver” e a interpretar
Dar a conhecer os conceitos de linha, contorno, espaços, relação dos elementos no plano, perspetiva e proporções, corpo humano.

Data: 23 de Junho a 23 de Julho  

Horário: Segunda-feira e Quarta-feira das 18h/ 21h

Condições de admissão: Todas as pessoas com idade acima dos 13 anos com ou sem conhecimentos de desenho.

 

Limite de vagas: 6 vagas

Duração: 25 horas – 10 sessões

Preço do curso: 75€

Professor: João Dias

inscrições em: info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300 

Nota: a realização do curso está dependente de um número mínimo de vagas

 

Fotografia Digital II
       
     
Fotografia Digital II

Formação por Iuri Albarran
10, 17 e 24 de Junho

Workshop que visa consolidar e aprofundar os conhecimentos obtidos no 1º nível. Após uma revisão geral, sobre os conceitos e bases técnicas necessárias à realização duma imagem fotográfica, serão efectuados uma série de exercícios práticos com vista à consolidação dos conhecimentos. Posteriormente, serão abordadas especificamente as questões relacionadas com a iluminação fotográfica, visando demonstrar a importância de compreender (e - partindo daí – manipular) o funcionamento da luz. No final, os participantes serão capazes de analisar diferentes situações luminosas, no sentido de, com recurso a diversas fontes de luz, melhorar as imagens que produzem.

 Material: Máquina fotográfica digital com comandos manuais. Computador portátil.

Data: 10, 17, 24 de Junho  

Horário: Terça-feira, 18h/ 21h

Condições de admissão: Pessoas que tenham realizado o 1º nível ou que possuam conhecimentos equivalentes

Número mínimo/máximo de alunos: 6/10

Duração: 9 horas

Preço do curso: 47,50 + 9,50 (inscrição)

Professor: Iuri Albarran

inscrições em: info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300 

 

Programa:

10 de Junho

Revisão geral:

- Controlo avançado da exposição fotográfica: Velocidade, abertura e sensibilidade;
- Diafragma e Profundidade de Campo;
- Obturador e tempo de exposição;
- ISO. 

Exercícios práticos e análise dos resultados.

 

17 de Junho
 

Modelação de luz: direção, qualidade, temperatura e potência;

Fontes de iluminação (luz natural e luz artificial);

Luz continua e luz de “flash”;

Exercícios práticos em exterior e análise dos resultados.

 

24 de Junho

O Flash portátil;

Luz direta vs luz rebatida;

Iluminação exclusiva e luz de enchimento;

Exercícios práticos em exterior e análise dos resultados.

-

Crédito fotografia - Iuri Albarran

Oficina de Gravações Sonoras de Campo – Sons da Cidade
       
     
Oficina de Gravações Sonoras de Campo – Sons da Cidade

Formação por Luís Antero

14 de Junho

Luís Antero, paisagista e artista sonoro, desenha uma oficina de gravações sonoras de campo, denominada Sons da Cidade, para a CCC.

O objetivo principal desta oficina consiste numa introdução às práticas de gravação sonora de campo, num contexto específico, dotando os participantes de ferramentas básicas teórico-práticas sobre o tema. A cidade de Torres Vedras servirá assim de ponto de encontro, de estudo e de gravação. Os participantes terão a oportunidade de gravar as sonoridades que habitam o território, com recurso a gravadores e microfones vários.

 

Material: computador portátil

Data: 14 de Junho

Horário: Sábado, 10h00/13h00 14h30/18h30

Condições de admissão: Sem requisitos, por ordem de inscrição (a partir dos 14 anos).

Número mínimo/máximo de alunos: 4 / 6

Duração: 7 horas

Preço do curso: 54€ + 16€ (inscrição) *

Professor: Luís Antero | http://luisantero.yolasite.com/ | http://www.sonsdoarcoribeirinhosul.com/

Inscrições em: info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

 

Programa

Aprender: Enquadramento Teórico (pequenas notas históricas sobre gravações sonoras de campo/paisagens sonoras e principais nomes ligados a este universo);

Escutar: O Objeto Sonoro e o (seu) Espaço (passeio sonoro na área onde se realizará a oficina. Escuta e análise das sonoridades ali presentes para posterior gravação);

Gravar: Técnicas de Gravação (noções práticas de gravação, incluindo gravação binaural, close miking, facilidades e dificuldades no processo de gravação sonora de campo, etc.).

Editar: Técnicas de Edição Sonora (com recurso a software livre de edição sonora, fornecem-se as técnicas básicas para a edição dos sons gravados – cortar, limpar, equalizar, etc.)

Iniciação à Fotografia Analógica
       
     
Iniciação à Fotografia Analógica

Formação por Cláudia Ramos
10 a 31 de Maio 2014

Ao longo de quatro sessões serão abordados os conhecimentos e procedimentos básicos à prática da fotografia analógica, o aluno irá explorar três vertentes: Câmara, Negativo e Cópia, bem como as questões inerentes ao processamento químico. 

É um curso de sensibilização perante o universo fotográfico em prata, explorando o seu potencial plástico e criativo, permitindo assim ao aluno poder dar continuidade aos conhecimentos adquiridos em sessões de Laboratório Livre.

Material: Câmara fotográfica analógica de 35mm com comandos manuais.

Data: de 10 a 31 de Maio

Horário: 
Sábados, 10h00/13h00 – Turma A
Sábados, 14h30/17h30 – Turma B

Condições de admissão: Sem requisitos, por ordem de inscrição. 

Número mínimo/máximo de alunos:  8

Duração: 12 horas, 4 sessões de 3 horas cada.

Preço do curso: 92,50€ + 32,20€ (inscrição)*

Professora: Cláudia Ramos

inscrições em:
info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

*a propina pode ser paga de uma só vez, ou em duas mensalidades.

Programa

O Princípio Fotográfico
A Câmera de Orifício: Pin-Hole
O Fotograma

A Câmara 
As Câmeras fotográficas e os seus formatos 
Fotometria (Diafragma x Obturação)
Profundidade de Campo
Tempo de Exposição

O Negativo
As Emulsões Fotográficas
A Revelação 
Arquivo

A Cópia
O Laboratório
Avaliação do Negativo
A Ampliação

 

-

Crédito fotografia - Thomas Struth

Fotografia a Preto e Branco I
       
     
Fotografia a Preto e Branco I

Formação por Cláudia Ramos
21 de Janeiro a 15 de Abril 2014

Um curso dedicado ao filme analógico e aos meandros do papel.

Aqui, o campo de trabalho constrói-se entre luz, emulsões e papéis fotossensíveis, na busca do entendimento de cada estágio do processo, para conseguir controlar o resultado de modo criativo.

A fotografia analógica envolve uma série de processos mecânicos, óticos e químicos associados que se encontram entre o objeto e a sua representação fotográfica e que serão explorados num registo teórico e prático.

Material: 
Câmara SLR (analógica)

Data:
de 21 de Janeiro a 15 de Abril

Horário:
Terça- feira, 18h / 21h

Condições de admissão: 
Sem requisitos, por ordem de inscrição.

Número mínimo/máximo de alunos: 4/8

Duração: 36 horas

Preço do curso:
1ª mensalidade 142,5€ + 57€ (inscrição) 
2ª mensalidade 142,5€

Professora: Cláudia Ramos

Informação Adicional
O aluno terá ao dispor um dia por semana de laboratório livre, gratuito, onde poderá dar continuidade aos conhecimentos adquiridos.

inscrições em: 
info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

-

Programa

Uma breve história da fotografia I

A Câmera
A Câmera de orifício, Pin-hole
As Câmeras fotográficas e os seus formatos
A Fotometria (Diafragma x Obturação)
Profundidade de Campo
Tempo de Exposição

O Láboratório

O Negativo
Luz e Filme
O Grão
A Revelação
Arquivo

O Papel
Tipos de Papel Fotográfico
O Ampliador e outros equipamentos
Avaliação do Negativo
Ampliação e técnicas
Graus de contraste
A Cópia Expressiva ou “fine print”

 A Visualização da Fotografia

 

-

Crédito fotografia - Jochen Lempert

Fotografia de Arquitectura
       
     
Fotografia de Arquitectura

Formação por José Manuel Silva
11 e 18 de Janeiro (sábados) 2014

O principal objetivo desta formação é a compreensão, interpretação e registo das principais qualidades espaciais e arquitetónicas do espaço edificado.

Os alunos deverão adquirir conhecimentos que os tornem capazes de salvaguardar os aspetos técnicos, mas também a reflexão conceptual, questões inerentes à prática da fotografia de arquitetura.

Material: 
Máquina fotográfica digital com comandos manuais e tripé. (o trabalho prático será feito em grupo, utilizando o material do formador)

Data: 
11 e 18 de Janeiro (sábados)

Horário:  
Sábado, 9h30 / 13h30

Condições de admissão: 
Pessoas com conhecimentos básicos consolidados em fotografia, interessadas em arquitetura ou na temática da fotografia de arquitetura.

Nº mínimo/ máximo de alunos: 6 / 10 

Duração:  8 horas 

Preço: 40€ + 8€ (inscrição)

Professor: José Manuel Silva

Inscrições em:
info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

-

PROGRAMA

Diferentes equipamentos utilizados em fotografia de arquitetura
Camera (diferentes tipos)
Lentes (fixas, zoom e TS)
Tripé + cabeça de precisão
Cabo disparador
Escadote
Fotómetro manual
Nível
Transferidor
Fita métrica + esquadro
Fio de prumo

Distância focal Vs Perspetiva
Distancias focais
Compressão e supressão de planos
Escala

A tomada de vistas
Perspetiva
Representação e leitura do espaço
Escala

Correção de perspetiva
Círculo nítido de imagem
Camera técnica ou de banco óptico
Convergência e divergência
Movimentos de descentramento e báscula
Lentes Tilt & Shift
Lens correction
Warp

Luz e espaço | Luz e forma
Modelação e textura
Materiais
Ambiente

A hora do dia e a sua importância na fotografia de arquitetura
Dramatização (luz “fria, luz “quente”)
Posição do sol e colocação/posicionamento de sombras

 

-

Crédito fotografia - Gabriele Basílico

Retrato Improvisado
       
     
Retrato Improvisado

Formação por Mário Cruz
7 e 8 de Dezembro 2013

Ao longo desta formação, destinada tanto a fotógrafos amadores como profissionais, o desejo é o de aprofundar a noção estética da imagem, aqui aplicada ao retrato social num registo de improviso.

O objetivo é tirar partido da luz natural, sem recurso ao flash, explorando os critérios da composição.

No final, será criado um conjunto de imagens que pretendem dar resposta a uma possível publicação.

Material: 
máquina fotográfica, reflex de preferência; computador portátil, com software de tratamento de imagem, Adobe Photoshop ou Adobe Lightroom.

Data: 7 e 8 de Dezembro

Horário:
Sábado, 9h30/13h - 14h30/19h
Domingo, 9h30/13h - 14h30/19h

Condições de admissão: 
Frequência da formação Iniciação à Fotografia Digital ou conhecimento equivalente.

Número mínimo/máximo de alunos: 8/10

Duração: 16 horas

Preço do curso: 125€ + 25€ (inscrição)

Professor: Mário Cruz

inscrições em: info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

-

Programa

SÁBADO

09:30 - 13.00

Breve revisão sobre noções básicas de fotografia aplicadas ao retrato improvisado
Velocidade / Abertura / Sensibilidades / Medições de Luz / Distâncias Focais / Material a utilizar.

Introdução ao retrato improvisado
Relação entre o fotógrafo e o fotografado / Tempo e Espaço.
Diferentes formas de abordar o mesmo assunto / Problemas e Condicionantes.

Iluminação (Luz Natural)
Tirar partido da luz natural do ambiente em que se fotografa, seja interior ou exterior, sem recurso ao flash

Usufruto e exploração do espaço físico
Aproveitamento de texturas, padrões, formas que componham a imagem  /  Relação entre o espaço físico e o fotografado

Composição
Enquadramentos criativos e objetivos / Pontos de equilíbrio

ALMOÇO

14:30 – 19:00

Exercícios práticos 
Retrato improvisado num curto espaço de tempo em locais pré-determinados com diferentes tipos de ambiente para aplicar os conteúdos teóricos desenvolvidos na parte da manhã

Apresentação e breve discussão dos trabalhos realizados


DOMINGO

9:30 – 13:00

Exercícios práticos
Retrato Social. Conjunto de retratos sobre um determinado tema com aplicação dos conteúdos teóricos do retrato improvisado

ALMOÇO

14:30 – 19:00

Edição e seleção dos trabalhos
Ligação entre as várias fotografias do mesmo trabalho / Criar um conjunto diversificado de opções para uma suposta publicação

Apresentação e discussão final dos trabalhos realizados no workshop

 

-

Crédito fotografia - Mário Cruz

Fotografia Digital I
       
     
Fotografia Digital I

Formação por Iuri Albarran
8, 15 e 22 de Fevereiro 2014

Nesta formação serão abordadas as bases técnicas necessárias ao controlo criativo da imagem. Os participantes tomarão contacto com os conceitos centrais do fenómeno fotográfico e com as ferramentas elementares de tratamento e edição digital de imagem. Serão abordados conceitos técnicos que permitirão aos participantes obter um controlo efetivo do processo fotográfico e, desta forma, concentrar-se no desenvolvimento de um olhar fotográfico individual e independente. No final, serão capazes de utilizar as suas máquinas fotográficas de forma autónoma e de gerir os ficheiros que produzem. 

Material: 
Máquina fotográfica digital com comandos manuais.

Data: 8, 15 e 22 de Fevereiro

Horário: Sábados, 9h30/13h30

Condições de admissão: Sem requisitos, por ordem de inscrição.

Número mínimo/máximo de alunos: 6/10

Duração: 12 horas

Preço do curso: 60€ + 12€ (inscrição)

Professor: Iuri Albarran

inscrições em: info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300 

-

Programa:

Sábado, 8 Fevereiro
9h30 – 13h30

A “camera obscura” e o fenómeno fotográfico;
A máquina fotográfica (tipos e formatos);
Controlo da exposição fotográfica: Velocidade, abertura e sensibilidade;
Diafragma e Profundidade de Campo;
Obturador e tempo de exposição;
ISO. 

Sábado, 15 Fevereiro
9h30 – 13h30

Medição de luz (Fotometria Matricial, Pontual e Central);
Balanço de Brancos / Temperatura de Cor;
Óptica elementar: Relação “distância focal vs perspetiva”;
Enquadramento e composição fotográfica;
Programas semi-automáticos.

Sábado, 22 Fevereiro
9h30 – 13h30

Formatos de ficheiros digitais;
Fluxo de trabalho em fotografia digital: armazenamento, edição e pós produção;
Apresentação das ferramentas de tratamento digital de imagem (recorte, redimensionamento, limpeza, ajustes de exposição e cor).

 

-

Crédito fotografia - Iuri Albarran

Laboratório Livre
       
     
Laboratório Livre

Material:
O aluno deve trazer o seu próprio papel fotográfico.

Data:
de 5 de Fevereiro a 15 de Abril 2014

Horário:
Quarta feira, 
1ª sessão 10h - 13h
2ª sessão 15h - 18h

Condições de admissão:
A frequentar o curso de Fotografia a Preto e Branco I, por ordem de inscrição.

O aluno deve inscrever-se apenas no dia anterior ao Laboratório Livre. 

Número máximo de alunos: 
2 / sessão

Duração: 
3 horas / sessão

Preço: 
5€ /sessão

inscrições em: 
info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

O laboratório abre portas todas as quartas-feiras, para que os alunos possam dar continuidade aos seus trabalhos fora do período das aulas. 

 

-

Crédito fotografia - John Cyr

 

Iniciação à Fotografia Digital
       
     
Iniciação à Fotografia Digital

Formação por José Sena Goulão
23 e 24 de Novembro 2013

Uma formação pontual, teórico-prática, que aborda os conceitos e técnicas fundamentais da fotografia, passando por diversas questões como a fotometria, a iluminação com flash, algumas questões do laboratório digital, sem esquecer aspetos da composição e do enquadramento. A formação ocorre ao longo de um fim de semana e conta ainda com uma “saída de campo”.

Material:
Máquina fotográfica, reflex de preferência; computador portátil, no Domingo, com software de tratamento de imagem, Adobe Photoshop ou Adobe Lightroom (quem não tiver poderá fazer download no site da Adobe das versões Demo)

Data: 23 e 24 de Novembro 

Horário:
Sábado, 9h/13h - 14h30/18h30
Domingo, 10h/13h - 14h30/18h30

Condições de admissão:
Sem requisitos, por ordem de inscrição. 

Número mínimo/máximo de alunos: 5/12

Duração: 16 horas

Preço do Curso: 125€ + 25€ (inscrição)

Professor: José Sena Goulão

-

Programa

SÁBADO

09:30h - 12.30h
Princípios da Técnica Fotográfica Sensibilidade Medição de Luz Abertura Velocidade Exposição Iluminação com flash

13:00h - 14:30h
Intervalo para almoço

14:30h - 15:30h
Processo Criativo em fotografia Composição e estética visual

15:30h - 18:30h
Exercícios práticos Prática dos conhecimentos adquiridos Apoio aos participantes com considerações práticas, conselhos e sugestões.

DOMINGO

10:00h - 13:00h
Saída de campo para fotografar Prática dos conhecimentos adquiridos Apoio aos participantes com considerações práticas, conselhos e sugestões

13:00h - 14:30h
Intervalo para almoço

14:30h - 18:30h
O laboratório digital Escolha de imagens e sua catalogação Conceitos e técnicas básicas de tratamento digital de imagem Críticas e sugestões.

 

-

Crédito fotografia - José Cena Goulão

Pós-Produção I
       
     
Pós-Produção I

Formação por João Varela
22 e 29 de Março 2014

O Curso de Pós-Produção é a introdução ideal para todos aqueles que querem ficar a conhecer as bases de trabalho do Adobe Photoshop e que desejam ver as suas fotografias melhoradas.

A aprendizagem de pós-produção passa por várias fases e com este curso, pretende-se demonstrar alguns exemplos daquilo que a imaginação, aliada às ferramentas que dispomos em Photoshop, podem criar.

Material:
Portátil com software Adobe Photoshop e Adobe Bridge.

Data: 22 e 29 de Março

Horário: Sábados, 9h30/13h30 

Condições de admissão: Sem requisitos, por ordem de inscrição. 

Número mínimo/máximo de alunos: 6/10

Duração: 8 horas

Preço do curso: 40€ + 8€ (inscrição)

Professor: João Varela

Inscrições em:
info@ccctv.org ou por telefone 261338931 / 261338300

-

PROGRAMA:

Sábado,  22 de Março
9h30 – 13h30

Fotografar em estúdio:
- Sessão de retratos 

Essenciais do Photoshop:
Organização básica: disposição das ferramentas, menus, definir organização.
As Ferramentas 

Imagem:
Composição de uma imagem digital (pixel)
Abrir imagem, guardar, guardar como
Redimensionar: internet e impressão
Histograma; Sistema RGB; profundidade de cor (8 e 16bit)

Layers:

Ajustes
Níveis
Curvas 
- Brightness
Contraste
Preto e Branco
Saturação
Photo Filter

Seleções
Mascaras e seleções a partir de uma camada de ajuste;
Compreender as suas vantagens para ajustes localizados;
Isolar elementos para colocar numa outra imagem;
- Ferramentas de Seleção;
Tipos de layers e a forma como se comportam.

Cor e pós-produção
Hue/Saturation
Color Balance
Liquify

Sábado,  29 de Março
9h30 – 13h30

Construção de uma imagem 

Introdução
- Making of de várias produções (moda, publicidade, fotografia autoral);
Conhecer pós-produtoras – WhiteLab;

Construção da Imagen
- Seccionar uma imagem; 
Adicionar elementos; 
Equalização de tons.

Pós-produção de imagens dos alunos
(imagem pedida na primeira sessão)

Montagem de imagens Panorâmicas

High Dynamic Range

-

Crédito fotografia - Chase Jarvis